Eu a conheci em julho de 2016 na volta às aulas dentro do ônibus escolar o 1º dia foi meio engraçado, fomos apresentados por uma amiga em comum, mas nesse momento eu quase não dei atenção a ela, com o passar do tempo criamos um laço de amizade muito forte, ficamos cada vez mais próximos até que nos tornamos melhores amigos, aquela amizade de um ficar chorando com outro por mágoas da adolescência sabe?...

 

 

Em 2016 fui morar com meus avós em Minas Gerais, pois seria algo bom pra todos nós, já que meus avós passavam por um momento difícil e triste, e eu não me adaptava mais à correria de uma cidade grande como São Paulo.

Dias depois, eu o conheci, ele era meio bobo alegre, ficava cantando aquelas músicas de “sofrência”, mas nunca fiquei triste ao lado dele, pois sempre tirava meus melhores sorrisos, mesmo com o pouco tempo que nós conhecemos sabia que queria a sua amizade para o resto da minha vida, porque era sincera e me despertava confiança, sempre pude falar de tudo com ele, e às vezes até chorava em nossas conversas, pois sentia falta da minha família e amigos e ele sempre foi o meu ombro amigo.

 

 Em um determinado dia teria um show na cidade vizinha, que eu já tinha certeza que iria, mas ela me pediu que não fosse e me convidou para ir à igreja, foi aí que começamos a nos aproximar e tive a certeza do meu sentimento no dia que ela foi visitar uns familiares em São Paulo, a partir desse dia percebi que sentia algo diferente. Senti falta de estar ao lado dela e aquela saudade bateu forte, quando ela retornou meu coração ficou fervendo e queria ainda mais estar com ela.

 

Todos falavam que nós parecíamos um casal e que ficaríamos lindos juntos, foi a partir dessas pessoas que comecei a notar ele de uma forma totalmente diferente, vi a pessoa maravilhosa que estava na minha frente e um sentimento que eu nunca tinha sentindo por ninguém surgiu e invadiu meu coração.

Começamos a namorar no dia 24/10/2016, e Deus passou a confirmar nossos passos de diversas maneiras e a principal foi à palavra que confirmou a nossa união. Assim, com uma semana de namoro Deus veio nos chamar nas águas do Santo Batismo.

Estávamos em uma boa fase de nossas vidas, nos apaixonamos, um fazia o outro se sentir bem, entretanto algo inesperado aconteceu e mudou tudo, eu precisei retornar para casa dos meus pais. No dia 31/03/2017 nossos caminhos se distanciaram e foi muito doloroso para ambos. Conforme o tempo passava, ficava ainda mais difícil toda essa distância, e não sabíamos como as coisas seriam dali pra frente.

 Eu estava perdido e confuso, não sabia o que fazer e estava arrasado com essa situação, então decidi buscar auxílio do céu, e Deus foi aquele que iluminou minha mente e meus caminhos, falou comigo que ela seria minha esposa, que eu tinha que lutar, e ir atrás dela onde quer que ela fosse. Então tudo começou a se encaixar, o pai dela me chamou pra ir a São Paulo, pois já tinha conseguido um emprego para mim na mesma empresa que ele trabalhava, e ali tinha inicio a nossa batalha.

Falei com meus pais, arrumei as minhas coisas e fui com muito choro e muita dor de deixar meus velhinhos e minha família. Ficamos um tempo em São Paulo e outra mudança nos levou para uma cidade ainda mais distante, chamada Presidente Epitácio a 900 km de minha família e novamente busquei o auxílio de Deus. Nessa cidade uma família muito querida me acolheu e me trataram como filho, porém foi bem mais difícil, por que eu não tinha emprego e assim fiquei durante meses, mas Deus foi aquele que me sustentou e mudou os rumos da minha história, comecei a trabalhar, e conheci pessoas que se tornaram meus companheiros. A mocidade e irmandade dessa cidade me acolheram e assim fui me sentindo mais firme e confiante.

 

Com o decorrer do nosso relacionamento e com todas as confirmações de Deus, passamos a incluir um ao outro nos nossos sonhos e a planejar um futuro juntos, nos casar, servir a Deus juntos e um dia construir uma família. O nosso amor foi aumentando e tínhamos cada vez mais certeza que queríamos estar lado a lado para resto de nossas vidas. Sermos namorados, não era mais suficiente por isso decidimos noivar. Conversamos com meus pais para escolher uma data, porém meu pai estava desempregado, não tínhamos condições de fazer uma festa e assim iríamos a um restaurante e pronto, mas Deus nos deu condições e no dia 16/11/2018 trocamos nossas alianças em uma festa linda e muito emocionante, só faltou a família dele presente, porém com a ajuda da tecnologia acompanharam tudo em tempo real por chamada de vídeo.

 Desde então temos feito muitas escolhas com os preparativos do casamento, apesar da correria, também tem sido um dos nossos momentos mais felizes, pois sabemos que em pouco tempo estaremos casados indo em busca dos nossos sonhos e o melhor servindo a Deus juntos.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

LISTA DE PRESENTES